O sítio do INA utiliza cookies para melhorar o seu desempenho e a sua utilização. Os cookies utilizados para as ações essenciais do sítio encontram-se definidas. Consulte a política de privacidade.

Eu aceito cookies.

  • Última actualização: 20 fevereiro 2019

PT | ENG

Plano global de formação em SNC-AP

Estão abertas as inscrições no sítio oficial da UniLEO para a 2ª edição do Plano global de formação em Sistema de Normalização Contabilística para as Administrações Públicas (SNC-AP).

A ação é realizada numa parceria entre o INA e a UniLEO - Unidade de Implementação de Lei de Enquadramento Orçamental nos termos do Despacho n.º 9101/2017 do Ministro das Finanças.

O Plano é constituído por 39 módulos independentes de curta duração, tem uma duração total de 169 horas de formação e decorre de março a novembro de 2019, com interrupção de 2 meses no período de verão.

Os módulos são disponibilizados na plataforma de e-learning do INA, faseadamente em grupos de 3 módulos por quinzena, com datas fixas de abertura e encerramento.

A formação é gratuita e realiza-se em regime de autoformação (estudo autónomo online), podendo o participante aceder à plataforma a qualquer hora, dia ou local e selecionar os módulos em função das suas necessidades de aprendizagem.

Procedimento e datas de inscrição:

  • De 1 a 15 de fevereiro: as entidades efetuam as inscrições no sítio oficial da UniLEO, nos termos aí definidos, com as credenciais de acesso ao Portal do S3CP. Podem também inscrever participantes da 1ª edição que pretendam completar módulos;
  • De 25 de fevereiro a 15 de março: o INA envia aos formandos os dados pessoais de acesso à plataforma de e-learning, para o endereço de e-mail registado na respetiva ficha de inscrição. Neste período, deverão os inscritos consultar regularmente o e-mail;
  • Até 18 de março: todos os formandos deverão aceder à plataforma de e-learning, após receber os respetivos dados de acesso, nos termos a indicar pelo INA;
  • 18 de março: abertura dos primeiros três módulos de formação do Plano.

Este modelo formativo permite abranger um grande número de formandos em simultâneo, promove a construção de percursos flexíveis adaptados às necessidades de cada trabalhador e de cada entidade e a conciliação da formação com o exercício do trabalho. Realça-se que na 1ª edição concretizada em 2018 participaram 6.376 pessoas, que se inscreveram, em média, em 28 módulos cada, com uma taxa de sucesso comprovada de 95% (participações completas).


Quer receber informação atualizada sobre as iniciativas do INA? Inscreva-se na nossa maling list.

Fevereiro/2019