O sítio do INA utiliza cookies para melhorar o seu desempenho e a sua utilização. Os cookies utilizados para as ações essenciais do sítio encontram-se definidas. Consulte a política de privacidade.

Eu aceito cookies.

  • Última actualização: 19 julho 2019

PT | ENG

Notas Biográficas

 

Ana Cristina Neves

Diretora do Departamento da Sociedade da Informação, na Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., desde março de 2012, bem como do Secretariado Técnico do programa INCoDe.2030 – Iniciativa Nacional Competências Digitais.

Especialista em assuntos da União Europeia e Relações Internacionais no que respeita à negociação de políticas públicas e estratégia política em Economia Digital e Ciência, Governação da Internet, e relações entre os setores público/privado.

Representa Portugal em diversos grupos e comités da União Europeia e Organizações Internacionais (OCDE, ONU, ITU, GAC/ICANN).

Foi membro do Grupo Consultivo Multissetorial (Multistakeholder Advisory Group - MAG) do Fórum para a Governação da Internet (Internet Governance Forum - IGF) entre maio 2012-abril 2016.

Entre 2016 e 2017 foi perita, a convite da Comissão Europeia, nos “Advisory Groups” (AG) sobre “International Cooperation” e “Climate action, environment, resource efficiency and raw materials” do Programa-Quadro da UE, Horizon2020.

É, desde 2016 até ao momento, perita convidada pela Comissão Europeia, no AG “Future & Emerging Technologies” do H2020.

É membro da rede CIONET (rede de executivos em Tecnologias de Informação e Comunicação) e do ceGSI (Clube Europeu para a Governança dos Sistemas de Informação – Portugal).

Entre setembro de 2008 e fevereiro de 2012, foi a Responsável por Relações Internacionais da UMIC - Agência para a Sociedade do Conhecimento, I.P., organismo público português com a missão de coordenar as políticas públicas para a Sociedade da Informação em Portugal.

Entre janeiro 2002- agosto 2008, foi conselheira para a Ciência, Sociedade da Informação, Espaço e Educação na Representação Diplomática de Portugal junto da União Europeia (REPER), em Bruxelas.

De abril de 1997 a Janeiro de 2002 foi Assessora para as Relações Internacionais do Ministro da Ciência e da Tecnologia.
Durante a Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia em 2007, presidiu ao Grupo de Trabalho de Investigação (WP), ao Grupo Conjunto de Investigação e Questões Atómicas,  Grupo de Trabalho sobre o Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia, e o Comité de Educação (Ensino Superior) e Telecomunicações/Sociedade da Informação (parte INFSO).

Iniciou a sua atividade profissional em 1991, na Direção de Serviços das Questões Científicas, Tecnológicas e Industriais da atual Direção-Geral dos Assuntos Europeus, do Ministério dos Negócios Estrangeiros.

Mestre em Economia Internacional pelo Instituto Superior de Economia e Gestão, ISEG. Foi aluna de doutoramento no Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica de Lisboa (ABD) até 2016.